Blog do Cadu: Os órfãos da grande imprensa

quarta-feira, 6 de junho de 2012

Os órfãos da grande imprensa

A cada dia que passa a grande imprensa do país se desmoraliza mais e mais. Seu envolvimento com o crime organizado, suas notícias plantadas para chantagens políticas e ocultamentos de fatos (mentira, mesmo) ao longo dos anos no Brasil geraram o comportamento que previu Perseu Abramo em 1988 (leia aqui). Uma reação por parte daqueles que não mais se sujeitam a engolir as lorotas repetidas pela grande imprensa.

Com toda a exposição da verdadeira face da grande mídia brasileira por conta da CPMI do Cachoeira, muitos devem estar se sentido órfãos, pois não mais tem a fonte das verdades e da moral absoluta na Terra.

Muitos dos leitores de Veja, Folha, Estadão e Globo (pra ficar só nesses), se tiverem um pouco de senso crítico, estão enojados com a postura anti jornalística desses veículos.

Outros tantos devem estar céticos. À espera de mais acontecimentos, ao mesmo tempo em que devem estar começando a ler fontes alternativas aos grandes meios de comunicação para se informar sobre as relações do bicheiro Cachoeira.


Mas o que me chama a atenção é a reação dos que não admitem, nem se deixam pairar dúvidas em suas mentes, que a grande imprensa brasileira é o que é: golpista.

Não aceitam o fato de seus apoios ao golpe militar (e civil) de 64; não reconhecem as inúmeras tentativas (algumas com êxito) de manipulação de eleições nacionais e em todo o país; não reconhecem a mão amiga dos governos de 64 aos de FHC e a maledicência com os governos do PT. E aqui não faço análise ou comparação, apesar de quem lê meu blog saber das minhas posições, dos governos FHC e Lula / Dilma; e como agora com a CPMI do Cachoeira tentam a todo custo manipular a opinião das pessoas sobre o que realmente acontece. – Leia mais aqui

Alguns aceitam alguns pontos, mas só alguns.

E esses são raivosos. Mesmo os que possuem alguma capacidade argumentação. Parte de seus argumentos é o de nivelar tudo por baixo. O mesmo da grande imprensa, inclusive.

A negação da política tão presente no discurso da mídia já os impregnou.

Outro ponto é, também mesma tática usada pela Veja, de falar em Dirceu, Genoíno e outros nomes do PT envolvidos no suposto “mensalão”. Uso o “suposto” porque, a não ser que se tenha sido testemunha ocular, a fonte de tal esquema foi a grande imprensa. A mesma que está em cheque por suas relações com o crime organizado e que uma de suas principais integrantes a Veja PLAGIOU outra notícia e lhe deu outra origem e finalidade (clique aqui).

Outra característica é a juventude dessas pessoas (não todas, obviamente). É cada vez mais clara a onda conservadora que atinge jovens deste país. Sobre até já escrevi no meu blog (leia aqui). Pelo menos em contrapartida também cresce a cada dia uma juventude mais progressista, com valores verdadeiramente democráticos. Falo de democracia em sua totalidade e não a de faz de conta apregoada pela grande imprensa.

O debate ferve, e ferve mais a cada dia. Seja nas ruas, nas escolas, universidades e nas redes sociais. Estas eleições municipais vão pegar fogo. Se for dentro da boa disputa bom, excelente para a democracia brasileira.


Nenhum comentário: