Blog do Cadu: Gurgel e suas cinco horas de nada

sábado, 4 de agosto de 2012

Gurgel e suas cinco horas de nada


05 horas. Esse foi o tempo que durou a fala (acusação) do Procurador Geral da República, Roberto Gurgel. Nesse tempo todo, ele não mostrou uma única prova sequer contra quem quer que seja ou sobre a existência do que quer que seja. E assim segue o espetáculo do julgamento do suposto “mensalão”. Todos querendo entrar para a História. Leia mais aqui

Foram 05 horas para dizer que “não existe prova, porque quadrilha não deixa prova”.

05 horas de nada. Pelo menos nada de novo. A não ser que agora matérias de Veja são usadas como discurso de Procurador da República em sessão de Supremo.

Gurgel estudou Direito pelas cartilhas sebosas da Editora Abril que o PSDB enfiou guela abaixo nas crianças de São Paulo a um custo de lgo em torno de R$ 50 milhões de reais. Mais aqui

Na verdade, o pior cosplay do Jô Soares da História, não deveria nem atuar nesse caso. É acusado de prevaricar na Operação Vegas, anterior à Monte Carlo que pegou o esquema Cachoeira / Demóstenes / Veja / Globo. Ou seja, Gurgel não cumpriu sua função de oferecer denúncia à Justiça diante da operação da PF.


Mas isso você não vê na grande imprensa.

Não vê, por exemplo, que Gurgel responde a ação por prevaricação. Essa mesma que citei acima. Leia mais aqui

Teremos pelo menos um mês de novelinhas midiáticas sobre o caso do suposto “mensalão”.

Caso sem provas. Reconhecidamente, sem provas. Reconhecida pela grande imprensa, pela PGR, Pelo FHC. Tanto que todos falam em condenar sem provas.

Baseado na opinião pública (da).

E o tal do Estado Democrático de Direito, onde está?

Não vemos na imprensa o esquema do "valérioduto" que irrigou os bolsos de FHC e Gilmar Mendes. Não vemos também a lista de FURNAS. Cujo o Ministério Público já abriu denúncia. Não tem uma pena de tucano nenhum sem envolvimento aí. Leia mais aqui e aqui

Isso pra não falar da Privataria. Não falaram (ou falam) do livro, imagine do esquema. Até o papagaio e o cachorrinho do Serra ganhou “dim dim” com as privatizações.

Estamos vivendo a maior farsa da História desse país. Desde o cosplay do Jô Soares, até toda a novela orquestrada pela grande imprensa para esconder as mazelas da direita brasileira, num desespero para salvarem a si mesmos da morte política.

Em tempo, pro PIG pirar: Pesquisa CNT/Sensus: Lula e Dilma favoritos para a eleição presidencial em 2014. Maisaqui

Nenhum comentário: