Blog do Cadu: Aécio Neves não passa de um grilo

quarta-feira, 24 de abril de 2013

Aécio Neves não passa de um grilo


O provável candidato do PSDB à presidência da república, Aécio Neves, deveria propôr que o mascote de seu partido mude de tucano para grilo. Mais uma vez ele acusou o PT de agir contra o Brasil. Como um partido cujo os governos tiram milhões da miséria; elevam o poder de compra do trabalhador; ampliam como nunca o acesso ao ensino superior e, entre tantas outras ações, garantem ao país respeito internacional podem “torcer contra o Brasil”?

Está aí mais um sintoma da falta de agenda da oposição no Brasil. Nunca custa lembrar que em pronunciamento no Senado – por mais de trinta minutos – Aécio não citou as palavras gente, povo, emprego, miséria e renda. Falou de seu avô, Tancredo; falou de seu mais novo mentor, FHC. Quem torce contra o Brasil? FHC deixou o país na forma mais caricata de uma república de bananas.

Não bastasse seu governo estar sempre de calças arriadas ao capital especulativo, desmoralização internacional, pois o governo FHC tomava esporro onde quer que chegasse e seus ministros eram obrigados a retirar os sapatos para entrar nos EUA. Fora vender o patrimônio do povo brasileiro à preço de banana com a sua privataria.

Aécio apenas repete a cantilena que faz a “grande imprensa”: juro, juro e mais juro; inflação, inflação e mais inflação... sobre o emprego, defendem o DESemprego. Quem é mesmo que torce contra o Brasil?


Aécio é o candidato mais fraco até aqui nas disputas presidenciais contra o PT. As coisas podem mudar até o ano que vem. Isso faz parte da política – ainda mais com o perfil midiático que tem o Brasil. Para ele, seria bom passar menos tempo na praia e se dedicar a mudar a nota do seu discurso, até porquê a “grande imprensa” paulista ainda quer o Serra. Afinal, somente São Paulo salva.

Se o senador mineiro-carioca é “essa coca-cola toda” deveria ao menos se esforçar para tentar elaborar uma agenda qualquer para além desse repeteco bobo. Fica repetindo a mesma coisa como faz um grilo em sua cantiga. Parece que pensa que se ficar repetindo isso o tempo todo as pessoas vão acreditar. O carinha do Hitler que afirmou que “uma mentira repetida mil vezes torna-se verdade” acertou um bocado, mas nem sempre é possível. A oposição tomou até rasteira do tomate, imaginem...

Nenhum comentário: