Blog do Cadu: Não podemos cometer um erro histórico. Todos às ruas no dia 27/05

quarta-feira, 25 de maio de 2011

Não podemos cometer um erro histórico. Todos às ruas no dia 27/05


Existe hoje muita expectativa em torno de um grande ato na próxima sexta-feira, dia 27/05, em Maceió, pelo impeachment do governador Téo Vilela. Principalmente depois que começou a circular nas redes sociais e emails a mobilização para tal ato.

De início, haveria apenas um ato dos sindicatos sobre a questão do reajuste. Polêmica já criada pela gargalhada do governador sobre a expectativa de um maior aumento (veja aqui). Logo após a divulgação do vídeo da gargalhada, começaram as convocações para sexta na internet. Agora com a bandeira do Fora Téo.

A coisa pegou força e na sexta-feira dia 27/05 poderemos ter um grande ato popular, como a muito tempo não tínhamos por aqui.

Então, qual a polêmica?

A polêmica é que o movimento dos servidores afirmou hoje que iria participar do ato de sexta-feira. E que inclusive teria desmobilizado o que havia organizado. O motivo seria o fato de não se saber quem havia convocado o ato sob a bandeira do impeachment. (veja aqui)

Qual o problema disso?

Houve mobilização espontânea e isso não se pode desperdiçar.

Tem umas figuras por aí que criaram uma “ONG” com o nome de Caras-Pintadas e esta ONG diz que não foi ela quem mobilizou para a próxima sexta-feira.

Na boa, nem poderia. Esta “ONG” não tem nada a ver com o movimento de 1992 do Fora Collor. Os emails afirmam que a mobilização é dos Caras-Pintadas de Alagoas, um movimento e não uma entidade.

Temos hoje a oportunidade de debater a política e não somente ficar no economicismo.

Se o movimento sindical dos servidores públicos liderado pela CUT não participar do ato de sexta cometerá um erro histórico. Como já disse acima não se pode desperdiçar o movimento espontâneo do povo e também não há postura oportunista, uma vez que já a algum tempo que o movimento sindical está nas ruas  em mobilização contra o governo do PSDB.

Nenhum comentário: