Blog do Cadu: Porque devemos ter os dois pés atrás com as denuncias contra Orlando Silva

sábado, 15 de outubro de 2011

Porque devemos ter os dois pés atrás com as denuncias contra Orlando Silva


Foi divulgada hoje denúncia de recebimento de propina por parte do Ministro do Esporte, Orlando Silva do PcdoB. A denúncia é feita pela “revista” Veja. Só por isso já não merece muito crédito.

As propinas seriam fruto de esquemas no programa segundo tempo.

Entre os mais fervorosos-lacerdistas contra Orlando está o jornalista Juca Kfouri da Folha de São Paulo. Outro motivo para a denúncia não ter crédito.

Porque afirmo que devemos ter os dois pés atrás em relação a essa denúncia?

Porque como sempre não há provas. Existiria um depoimento de PM ou ex-PM que seria um faz tudo do suposto esquema e só. Ou seja, no concreto, não se tem nada.


O mais puro e simples jornalismo declaratório. Declara-se alguém culpado e ponto final.

O interesse em desgastar Orlando é mais do que evidente. O Ministério do Esporte está entre os mais cobiçados, afinal teremos Copa e Olimpíada.

E o que tem de gente querendo que dê m**** não tá no gibi.

A atitude do ministro, que está no México por causa dos jogos Panamericanos (que talvez você não saiba que estão acontecendo porque quem transmite é a Record) frente a essa denúncia foram as melhores possíveis. Inclusive solicitando investigação da Polícia Federal.

O fato é que a velha mídia podre brasileira não aguenta em ver as coisas caminhando em prol da maioria do povo brasileiro e o temor de não terem como disputar com força as próximas eleições em 2014 os deixam ainda mais raivosos.

Que se investigue, mas não se condene antes de se provar.

A “revista” Veja não merce esse crédito. Basta relembrarmos suas capas ao longo de sua história (clique aqui); e mais recentemente sua conduta em relação ao governo Lula e a invasão de domicilio na tentativa de levantar mais acusações contra o Zé Dirceu (clique aqui).

Um comentário:

Paulo Petuba, socialismo de desenvolvimento e justiça social disse...

De fato essa revistinha tá vivendo de fofoca e calúnia. Por isso que há mais de vinte anos deixei de assiná-la pelas babojeiras de sempre. Trata-se de mídia corrupta, covarde e traiçoeira. Por isso peço sempre nas mídias sociais que parem de assinar essa folheteria de última categoria.