Blog do Cadu: Dilma coloca a oposição no seu devido lugar

quinta-feira, 24 de janeiro de 2013

Dilma coloca a oposição no seu devido lugar



Em pronunciamento feito em cadeia nacional de rádio e TV, a presidenta Dilma, como se diz no popular, botou o “guiso no gato” ao tratar da redução da tarifa de luz e da boataria de racionamento de energia elétrica no Brasil.

Ela não somente botou a pá de cal em cima cantilena oposicionista como anunciou um aumento na redução da tarifa. Agora ao invés de 16,2% para residências e 28% para indústrias, a redução será de 18% e 32% respectivamente.

"Estamos vendo como erraram os que diziam meses atrás que não iríamos conseguir baixar os juros nem o custo da energia e que tentavam amedrontar o nosso povo, entre outras coisas, com a queda do emprego e a perda do poder de compra do salário”, enfatizou a presidenta.

Mesmo assim a “grande imprensa” insiste no “mas mas”. “Mas especialistas disseram o contrário”, “mas o aumento do consumo vai gerar contas mais caras”; um blá blá blá sem fim.

Na Folha de São Paulo uma charge ridícula de uma gambiarra para ligar uma tela inaugurada pro Dilma com contagem de dias para a Copa do Mundo.

Em sua fala, Dilma alfineta nossa imprensa golpista. "Surpreende que, desde o mês passado, algumas pessoas, por precipitação, desinformação ou algum outro motivo, tenham feito previsões sem fundamento, quando os níveis dos reservatórios baixaram e as térmicas foram normalmente acionadas. Como era de se esperar, essas previsões fracassaram."

“Algum outro motivo”. O outro motivo é golpe. Disseminar desespero onde há esperança; disseminar a escuridão onde há luz. Com todo o trocadilho que se tem direito.

Depois desse pronunciamento o desatino da oposição só tende a aumentar. Seja à direita e à “esquerda”. Infelizmente setores que se dizem de esquerda no Brasil fazem o jogo da direita. Bom exemplo é a postura do PSOL. Seja no Congresso, seja nos movimentos sociais. É a esquerda que a direita gosta.

Eles juntos com a direita estão ficando para trás, como bem frisou Dilma em sua fala. Além do recado direto ao DEMotucanato e seu puxadinho, o PPS.

“Hoje, podemos ver como erraram feio, no passado, os que não acreditavam que era possível crescer e distribuir renda. Os que pensavam ser impossível que dezenas de milhões de pessoas saíssem da miséria. Os que não acreditavam que o Brasil virasse um país de classe média. Estamos vendo como erraram os que diziam, meses atrás, que não iríamos conseguir baixar os juros nem o custo da energia, e que tentavam amedrontar nosso povo, entre outras coisas, com a queda do emprego e a perda do poder de compra do salário. Os juros caíram como nunca, o emprego aumentou, os brasileiros estão podendo e sabendo consumir e poupar. Não faltou comida na mesa, nem trabalho. E nos últimos dois anos, mais 19 milhões e 500 mil pessoas, brasileiros e brasileiras, saíram da extrema pobreza.”

Não vai ter produção de Prozac que dê conta para sanar a depressão dos “calunistas” da “grande imprensa”, ainda mais com Lula fazendo política.

Aos agourentos, os “do contra” que Dilma menciona em sua fala, apenas duas palavras: Vai, Dilma!



Nenhum comentário: