Blog do Cadu: CONSUNI da UFAL sobre o REUNI ou um jogo entre CSA e CRB?

segunda-feira, 10 de dezembro de 2007

CONSUNI da UFAL sobre o REUNI ou um jogo entre CSA e CRB?

Hoje deveria ter ocorrido o Conselho Superior da Universidade Federal de Alagoas - Consuni/UFAL para debater a participação da Universidade no Programa de Reestruturação e Expansão das Universidades Federais - REUNI (veja aqui). O que se viu hoje foi uma grande briga de torcida até, infelizmente, se chegar à pancadaria.

De um lado estudantes ligados ao PSTU e à CONLUTE do outro estudantes de Delmiro Gouveia ligados à UJS. O primeiro grupo totalmente contra à adesão da UFAL ao REUNI; o segundo grupo, que estava porque o ante-projeto da reitoria prevê a criação de um pólo da UFAL em Delmiro, querendo a aprovação a qualquer custo.

Teve batucada, apitaço e até cornetas. Debate que é bom, nada...

Dois fatos levaram a esse clima de CSA x CRB.

O primeiro deles foi que a opção feita pela reitoria da UFAL em debater o projeto de adesão ao REUNI foi o de apenas dialogar com os diretores das unidades acadêmicas. Essa postura excluí a comunidade (estudantes, professores e funcionários) da elaboração do projeto de reestruturaçãoe expansão da UFAL ou se mesmo a UFAL vai aderir ou não ao programa.

O segundo que a disputa por espaço político se sobressaiu sobre o debate acerca da educação e da própria UFAL. Se já tava todo mundo tenso, aí foi só um pulo pra acontecer o que aconteceu.

Os seguranças da SERVIPA, por favor, o que era aquilo?

Totalmente despreparados, chegaram agredindo os estudantes. Mesmo tendo posição contária à do PSTU/CONLUTE, acabei tomando uns empurrões também por não deixar que os estudantes tomassem mais pancada. Independente das posições políticas, estudante não pode tomar pancada por manifestá-las. Esse é eu dever como militante e diretor da UNE.

A UNE defende o amplo debate acerca dos projetos nas universidades. É preciso disputar os rumos dos projetos em cada instituição federal de ensino superior. Não se pode ter adesão por adesão, simplesmente.


É preciso garantir que o projeto de adesão ao REUNI na UFAL seja o mais avançado possível, sem bacharelado interdisciplinar porque isso é um engodo, para que não só possamos ter uma universidade que interfira para melhor na realidade de Alagoas, mas também uma universidade melhor no sentido da produção acadêmica e com mais presença dos setores mais carentes da população estudando na UFAL.



Ah...



Não, o REUNI não é a pá da cal nas universidades. Se pode contratar professores? Na verdade, deve. Como deve também contratar funcionários. Isso só depende da projeto elaborado em cada IFES.

Nenhum comentário: